Seminário da Uva Bordô em Monte Alegre dos Campos

 

Município próximo de Vacaria tem uma produção da variedade superior a 10 mil toneladas

IMG_20170906_101627295_HDR[1]

Mais de 100 produtores prestigiaram a terceira edição do Seminário da Uva Bordô, realizada na cidade de Monte Alegre dos Campos, no dia 6 de setembro. Vindos de municípios como Monte Alegre dos Campos, Jaquirana, Vacaria, Caxias do Sul e Criciúma, os presentes participaram de palestras que abordaram assuntos como a gestão da propriedade rural e o programa gestão sustentável da propriedade rural, além de manejo fitossanitário da viticultura, de modo especial na cultivar Bordô, sendo a mais cultivada no município. “Na parte da tarde, em uma propriedade, foram desenvolvidos os assuntos práticos, que abordaram plantas de cobertura do solo e manejo e os diversos tipos de poda seca e verde na variedade Bordô”, explica o engenheiro agrônomo da Emater local, Eduardo Pagot.

Dentre as autoridades presentes, o vice-prefeito Valdenir Lisboa Pereira, o secretario adjunto do Fomento Econômico José Itamar dos Santos Borges, o secretário da Administração Marlon Rosa de Almeida, outros secretários, representantes de bancos, o assistente Regional da Fruticultura Enio Todeschini, da Emater Regional Caxias do Sul, e o supervisor Regional Mário da Costa Silveira. A equipe municipal de Monte Alegre dos Campos é formada pela chefe de escritório Andiara Costa Andreatta e pelo engenheiro agrônomo Eduardo Pagot.

Monte Alegre dos Campos conta com uma área cultivada da uva Bordô de 720 hectares por 450 agricultores familiares, com uma produção de 10,8 mil toneladas, das quais 15 produtores cultivam de forma orgânica. “Sendo o trabalho da extensão de fundamental importância, este evento é fruto de uma iniciativa da equipe em qualificar e informar produtores”, finaliza Pagot.